Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sandra.wink.wink

Sandra.wink.wink

Agarrem-me que eu vou-me a elas.

imagesNQSZZ0V2.jpgImagem de Sacha Goldberger

Por norma vou fazer compras num supermercado perto de mim, é relativamente pequeno e costuma ter apenas uma caixa aberta, é a caixa prioritária. Aqui nas redondezas vivem muitos velhotes e aquele é o seu supermercado de eleição, ás 8.30 da manhã lá estão eles a espera do pão fresquinho, ou melhor do pão quentinho.

Até aqui nada de anormal, concordo com a prioridade ás gravidas, pessoas com crianças pequenas ao colo, pessoas com dificuldades em se mover e por ai fora. Mas, como vamos gerir as prioridades a três ou quatro velhotes cada um com uma maleita pior que o outro? Eu dou prioridade a todos e depois fico de olhos arregalados a ver a discussão entre eles.

Tenho reparado em uma personagem em especifico. Um senhor de bengala que passa pela fila toda e coloca-se logo na caixa para ser atendido, até aqui tudo muito bem se não fosse o caso, de um dia calhar eu sair do supermercado logo atrás dele e ver que o dito anda mais depressa do que eu, teca teca la vai ele a toda a velocidade. Mau, fiquei logo com comichões, afinal não tem assim tanta dificuldade em andar!

Ontem, lá estava eu outra vez na fila, abre uma nova caixa e la vem o costumeiro, "- Podem passar por ordem para esta caixa." Confusão, encontrões de carros e tal e eu deixei-me ficar, reparo que um senhor com a mãe velhota e de bengala me passam a frente, alias quase que me atropelam com o carro. A senhora aparentava estar cansada e andava devagar. Olhei para o carro, estava cheio de compras pesadas, aguas, leite, detergentes...pensei, é melhor ajudar a pôr as coisas no tapete. Quando para meu espanto a senhora coloca a bengala na curva do braço e toda desembaraçada começa a carregar com as embalagens de águas, dos leites a dar ordens ao filho a organizar tudo no tapete, já não precisava da bengala e tinha cá uma força!

Comecei a suar, a ficar com as costumeiras comichões, a lata daqueles dois! Qualquer dia salto para cima de um velho qualquer! Agarrem-me que eu vou-me a eles!

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Instagram

Facebook

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D